Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

20/02/2014

ANTT promove reuniões para discutir subconcessão da Ferrovia Norte-Sul

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) realiza, a partir desta quinta-feira (20), em Palmas (TO), três sessões públicas para debater a subconcessão de um trecho da Ferrovia Norte-Sul. Os subsídios colhidos nas reuniões servirão para aprimorar as minutas de edital de contrato que disciplinarão as condições da subconcessão do trecho de aproximadamente 1.500 km entre Porto Nacional (TO) e Estrela D’Oeste (SP).
 
A reunião em Palmas será realizada na Aldeia da Corte Eventos – Quadra 112 Sul – SR 01 Lote 39 – Plano Diretor Sul. A sessão seguinte está marcada para a próxima terça-feira (25), em Fernandópolis (SP), na Casa Portugal – Avenida Litércio Grecco, nº 2251. A última reunião ocorrerá em 27 de fevereiro, em Anápolis (GO), no Centro de Cultura Esporte e Lazer da OAB – Avenida Júlio Guerra, nº 40 – Centro. Todas as sessões públicas ocorrerão das 14h às 18h.
 
Nessa terça-feira (18), abriu-se o período de envio de contribuições via eletrônica para a Audiência Pública 001/2014, que devem ser mandadas para o e-mail ap001_2014@antt.gov.br. O prazo para o recebimento de sugestões termina no dia 5 de março, às 18h. Mais informações e orientação sobre os procedimentos para manifestações podem ser obtidas via internet no sítio www.antt.gov.br.
 
Histórico - A concessão da exploração da Ferrovia foi estabelecida à Valec – Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. em 2008 com a publicação da Lei 11.772/2008. Atualmente em construção, o trecho Porto Nacional (TO) e Estrela D’Oeste (SP), objeto da subconcessão, será entregue ao futuro vencedor da Concorrência Internacional com a infraestrutura e superestrutura ferroviárias concluídas. O subconcessionário terá a missão de implantar os sistemas de sinalização, comunicação e energia, bem como de gerir a ferrovia pelo prazo de 35 anos.
 
O trecho a ser subconcedido passará pelos seguintes municípios:
 
Tocantins: Paraíso do Tocantins, Oliveira de Fátima, Fátima, Santa Rita, Brejinho de Nazaré, Crixás do Tocantins, Aliança do Tocantins, Gurupi, Cariri do Tocantins, Figueirópolis, Alvorada, Talismã.
 
Goiás: Porangatu, Mutunorte, Estrela do Norte, Mara Rosa, Campinorte, Uruaçu, Santa Rita do Novo Destino, São Luiz do Norte, Goianésia, Santa Isabel, Rianápolis, Jaraguá, Jesúpolis, São Francisco de Goiás, Petrolina de Goiás, Nova Veneza, Ouro Verde de Goiás, Campo Limpo de Goiás, Acreúna, Brazabrantes, Damolândia, Goianira, Indiara, Jandaia, Nova Veneza, Ouro Verde de Goiás, Palmeiras de Goiás, Paranaiguara, Quirinópolis, Rio Verde, Santa Bárbara de Goiás, Santa Helena de Goiás, São Simão, Trindade e Turvelândia.
 
Fonte: