Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

12/03/2014

Renovado programa "Milho e Feijão após Tabaco"

Renovado programa "Milho e Feijão após Tabaco"10/3/2014 13:33:00
Em Santa Catarina, a atividade da fumicultura é praticada em 217 municípios, totalizando 46 mil produtores que plantam cerca de 100 mil hectares, para uma produção estimada em 210 mil toneladas de tabaco, que geram uma receita aproximada de R$ 1,6 bilhão.

Diante destes altos números, a Secretaria de Estado da Agricultura e o Sinditabaco (Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco) assinam na próxima segunda-feira, dia 10, em Rio do Sul, a renovação do Programa Milho & Feijão Após a Colheita do Tabaco, que vem sendo desenvolvido no estado desde 1985. A iniciativa visa envolver os 46 mil produtores integrados nas indústrias beneficiadoras e exportadoras de tabaco de Santa Catarina.

O programa é apoiado ainda pela Fetaesc, Faesc e Senar. Foi criado com o objetivo de incentivar o plantio de grãos após a colheita do tabaco como forma de diversificar a propriedade, aumentar a renda do produtor e contribuir para a preservação do meio ambiente e da qualidade de vida.

As empresas associadas ao SindiTabaco, técnicos das entidades parceiras também vão atuar na divulgação das vantagens do plantio da safrinha, assistência técnica e capacitação, incentivo a diversificação da propriedade, redução dos custos de produção de proteína animal, uso de práticas conservacionistas, como plantio direto e cultivo mínimo, manejo integrado de pragas e doenças e alternativa de renda.​

Fonte: Folha do Oeste
Fonte: