Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

26/07/2013

Muitos motivos para comemorar

"Agricultor e motorista constroem o Brasil forte e soberano que a população almeja, pois um produz a riqueza nacional e o outro, a transporta, dinamizando a economia brasileira", realça o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), José Zeferino Pedrozo, ao enfatizar a importância das duas categorias, principalmente nessa quinta-feira (25), quando foi comemorado o Dia do Colono e Motorista.

Para o dirigente, o futuro do agronegócio é promissor porque os indicadores apontam para ampliação na produção de alimentos, o que será benéfico para todos. "O momento atual é bom para as áreas de grãos e lácteos e a abertura de novos mercados para a carne catarinense abre perspectivas positivas que irão se concretizar no médio prazo", observa.

A expansão do agronegócio na região oeste catarinense manterá sua dependência no transporte de milho do Brasil Central para suplementar as necessidades da grande cadeia agroindustrial de suíno e frango. "No mínimo dois milhões de toneladas ainda serão necessários para atender a demanda. Para construir silos e armazéns o Ministério da Agricultura e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) prometeram ajudar", complementa. A segurança para o sistema produtivo é de que não faltará milho no mercado, porém o custo do transporte encarece a produção.

Pedrozo enfatiza que o agronegócio vive um dos melhores momentos porque a metade dos empregos no País com carteira assinada foi criada pelo setor. "O segmento continua a salvar a balança comercial brasileira com superávits extraordinários, crescimento do PIB agropecuário e geração de empregos", justifica.

A consolidação de todo o sistema deve-se também ao trabalho efetivo dos dirigentes sindicais rurais. Para Pedrozo, os Sindicatos Rurais tem assumido novos papéis na sociedade, atuando em várias frentes, como formação profissional em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC), defesa política do setor e defesa econômica da categoria.

O presidente da Federação também ressalta o trabalho da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), que presta histórico e significativo apoio ao setor. "A criação da Guia de Trânsito Animal Eletrônica foi um grande avanço para os produtores rurais e agroindústrias", explica.

 

Fonte: