Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

29/05/2014

Insumos devem representar 49% da produtividade da soja em MT

​Prevendo a média de 52 sacas por hectares na próxima safra de soja, o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea) aposta que a relação de troca dos insumos representaria 49% da produtividade para as vendas ao preço à vista e de 61% para o preço de paridade. No boletim divulgado esta semana, destacou que os insumos correspondem a 60% do custo total.  “A expectativa inicial para o custo de produção da soja na temporada 2014/15 apresenta um cenário de despesas elevadas para o próximo ciclo. Atualmente, o preço à vista do grão praticado próximo a R$ 57,00/sc no Estado garantiria uma relação de troca de 25,5 sc/ha para cobrir as despesas com os insumos”.

Segundo o Instituto,  “esta mesma relação para o preço de paridade para março de 2015 se torna maior, sendo necessária a venda de 32,3 sc/ha para cobrir os custos com os insumos. Apesar de o preço de paridade estar inferior ao preço à vista, este se apresenta maior que a paridade de março/14 no mesmo momento do ano passado. Como a expectativa do Imea é que o Estado apresente uma produtividade de 52,5 sc/ha para o próximo ciclo”.

O custo inicialmente estimado para produção da soja convencional no ciclo 14/15 em Mato Grosso é de R$ 2.437,78/ha e da transgênica, R$ 2.452,70. Há uma relativa variação em relação ao preço médio fechado no cultivo 13/14, de R$ 2.485.
Fonte: