Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

03/07/2014

Caixa fecha safra com R$ 4,2 bi em operações de agronegócios

A Caixa Econômica Federal encerrou a safra de 2013 e 2014 com um volume de R$ 4,2 bilhões em contratações. O valor se refere a linhas de crédito destinadas a custeio e investimento agrícola e pecuário, além das linhas destinadas à comercialização, contratadas com produtores rurais, agroindústrias e cooperativas. As operações com produtores pessoa física representaram 69% do total, enquanto as operações com pessoa jurídica totalizaram 31%.

A Caixa ampliou sua atuação no crédito rural no ano passado. Segundo o vice-presidente de Negócios Emergentes do banco, Fabio Lenza, a atuação no setor complementa o portfólio de produtos da financeira nos principais municípios com vocação agropecuária. "Além disso, a entrada da Caixa no segmento de crédito rural foi importante para aumentar o volume de recursos disponíveis nesse mercado e fomentar a produção agrícola e pecuária do país", comentou Fábio Lenza.

Para alcançar esse resultado, o banco ampliou o seu portfólio de produtos de crédito rural, principalmente em linhas que utilizam os recursos obrigatórios definidos pelo Banco Central, e que possuem taxas de juros mais baixas. O objetivo foi disponibilizar soluções de crédito adequadas às principais atividades agropecuárias. A instituição também investiu na otimização de processos, oferecendo mais agilidade e simplicidade aos produtores. "Mantendo os padrões de segurança e os critérios de mitigação de riscos, buscamos estabelecer processos que reduzissem o tempo de liberação do financiamento. A linha de crédito Custeio Fácil é um exemplo disso. Com ela, as propostas de até R$ 300 mil são analisadas na agência, sem burocracia", disse o vice-presidente.

As linhas de crédito rural já estão disponíveis em mais de 1.400 agências. Além disso, o banco leva às principais feiras e eventos o Caminhão do Agronegócio, agência volante na qual o produtor pode contratar o Custeio Fácil e ter acesso a outros produtos.

Para a safra de 2014 e 2015, a Caixa projeta uma carteira de crédito rural superior a R$ 6 bilhões. O banco também lançará novos produtos, como as linhas vinculadas ao Programa Sustentação ao Investimento com recursos do BNDES, destinadas à aquisição de máquinas e equipamentos, e linhas de custeio e comercialização com recursos livres, que estará disponível em julho.​
Fonte: