Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

18/07/2014

Agropecuária lidera geração de empregos em Mato Grosso, diz governo

Pelo terceiro mês consecutivo, Mato Grosso teve saldo positivo na geração de empregos, nos principais segmentos da economia. Em junho, foram criados 3.412 a mais com carteiras assinadas. O Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Caged) aponta que foram contratadas 40.148 pessoas e demitidas 36.736. A alta registrada foi de 0,52%. Em maio, foram 686 funcionários a mais, saldo de 39.956 admissões e 39.270 desligamentos. No mês anterior, o resultado foi melhor, com 854 a mais.

Os números mostram que após dois meses sendo o líder dos setores que mais demitiram a agropecuária voltou a gerar mais 2.567, decorrentes de 8.631 contratações e 6.064 desligamentos. A indústria de transformação aparece em seguida com 437 a mais, sendo 5,9 mil admitidos contra 5,5 mil desligamentos. O setor de serviços aparece em terceiro com saldo de 269 profissionais a mais (9,1 mil pessoas contratadas contra 8,8 mil mandadas embora).

A construção civil gerou 193 novos postos de emprego, decorrentes de 5.748 contratações e 5.555 demissões. Depois vem o serviço industrial de utilidade pública com 137 trabalhadores a mais, provenientes de 246 admissões e 109 demissões. O extrativismo vegetal também teve saldo positivo com 36 novos (193 contratações e 157 desligamentos). Na administração pública foram 12 servidores a mais, sendo 32 contratados e 20 demitidos. 

O único setor que teve saldo negativo foi o comércio com 239 trabalhadores a menos - 10.197 contratações e 10.436 desligamentos.​
Fonte: