Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

09/03/2015

Safra de milho poderá ser uma das melhores da história do Rio Grande do Sul

O Informativo Conjuntural da Emater/RS-Ascar divulgado na última semana destaca a expectativa de uma excelente safra de milho para o Estado do Rio Grande do Sul, que se deve à situação climática favorável em todas as regiões produtoras, independente da fase em que as lavouras se encontram e da época em que foram implantadas. 

Em importantes regiões produtoras de milho, como Santa Rosa e Ijuí, a colheita se aproxima do final, alcançando, respectivamente, 80% e 90% de área colhida. Em termos estaduais, o percentual chega a 50% do total. Nessas regiões as produtividades têm surpreendido até os mais otimistas, registrando rendimentos que giram ao redor dos 6 mil kg/ha. Assim, devido a atual fase em que a cultura se encontra, é provável que nesta semana seja possível estimar o tamanho da safra, que, ao que tudo indica, deverá ser uma das melhores da história, superando os 4,8 milhões de toneladas estimados pela Emater/RS-Ascar.

Com o clima favorável, segundo a Emater/RS-Ascar, a cultura da soja também mantém a perspectiva de alta produtividade. As lavouras se encontram em fase final de enchimento de grãos (80%) e iniciando a maturação de forma mais acelerada (13%). A pouca área já colhida (2% do total) registra rendimentos ao redor dos 3 mil kg/ha.

A colheita da primeira safra do feijão se aproxima do final, restando ainda áreas a serem colhidas em grande parte dos Campos de Cima da Serra. Nas demais regiões, são muito pequenas as áreas em terminação e encerramento de colheita. A produtividade média da safra é expressivamente superior à expectativa inicial de 1,37 t/ha, já superando 1,5 tonelada por hectare, com boa qualidade comercial. Nesta semana, a Emater/RS-Ascar divulgará, na quarta-feira, os últimos dados referentes às safras de grãos de verão, durante a Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque.

As maçãs da principal variedade cultivada na Região da Serra, a gala, apresentam excelente sanidade, sabor e coloração, aponta o levantamento semanal da Emater/RS-Ascar. No momento estão sendo colhidos os últimos pomares, com grande precocidade, e a produtividade é considerada satisfatória, pois o bom rendimento compensou o tamanho médio dos frutos.

Nesse período inicia a colheita da segunda cultivar de maçã mais importante na região, a Fuji, que de acordo com a Emater/RS-Ascar apresenta plantas com elevada carga de frutas, de intensa coloração rubra e com ótimo calibre, deixando os produtores plenamente satisfeitos. Uma característica marcante da atual safra é a pequena ocorrência das principais pragas da cultura, em especial da mosca das frutas.

 

Fonte: