Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

01/06/2015

Capacitação rural aumenta com núcleos e ampliação de regionais do Senar em MT


Treze novos treinamentos, Núcleos Avançados de Capacitação,  lançamento do projeto SENAR Tec Leite, criação de aplicativo móvel, ampliação de 9 para 11 regionais, constituição e posse dos membros do Conselho Consultivo, realização do Cresce-MT com a presença de 1.400 pessoas e a concretização de diversas parcerias. De acordo com o presidente do Sistema Famato/Senar, Rui Prado essas são algumas das ações realizadas neste primeiro semestre que fazem parte do projeto de expansão do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar).

Ele explica ainda que até o ano passado a instituição só oferecia capacitação e qualificação ao homem do campo. "Em 2015 passa a oferecer também a assistência técnica, uma das principais demandas do pequeno e médio produtor".  Para atender essa necessidade a instituição realizou só nos últimos seis meses três processos de credenciamentos para novos instrutores e técnicos e dois processos seletivos para a contratação de novos funcionários.

Outra ação importante foi a constituição do novo Conselho Consultivo e posse dos seus membros que aconteceu na semana passada. "Com este novo conselho esperamos a opinião de pessoas que já têm experiência sobre a instituição e ouvir as ideias de quem conhece o Senar de fora", afirmou Prado. De acordo com o Regimento do Conselho Consultivo do Senar-MT, o órgão é assessor do Conselho Administrativo e atuará propondo ações para o fortalecimento da instituição de ensino rural.

Só no mês de maio foram lançados nove treinamentos para  atender a demanda dos produtores e trabalhadores rurais da Cadeia Produtiva da Soja e Milho.  De acordo com o superintendente do Senar-MT Tiago Mattosinho, a partir deste mês já estão à disposição da sociedade rural três qualificações com 80 horas/aula e seis treinamentos de aperfeiçoamento que variam de 16 a 40 horas/aulas. Estes novos treinamentos são para os profissionais que trabalham no setor de operação e manutenção de empilhadeira e de pá carregadeira.

Já para atender a cadeia produtiva da bovinocultura de leite, a instituição lançou o SENAR Tec Leite que tem como objetivo melhorar não só a qualidade, mas também a produção do leite e ainda contribuir para a fixação do homem no campo. O gerente de Educação Formal e Assistência Técnica (Gefat), Armando Urenha conta que esse novo projeto vai dar assistência técnica não só aos produtores, mas também aos transportadores e para agroindústria. Este primeiro projeto tem a duração de dois anos e atenderá 120 propriedades na região de Pontes e Lacerda. "Mais que o objetivo principal de melhorar a qualidade e a produção, nosso objetivo é contribuir para a fixação do homem no campo e melhorar a renda e sua qualidade de vida", enfatiza Urenha.

Sempre com o objetivo de atender a necessidade crescente da mão de obra qualificada, o Senar-MT deve inaugurar até o final deste ano 12 Núcleos Avançados de Treinamentos. Dois já estão em atividade, sendo um em Tangará da Serra e o outro em Barra do Bugres. O terceiro será inaugurado em São José dos Quatro Marcos, na próxima terça-feira (02.06). O objetivo destes Núcleos é capacitar o homem que vive na cidade para o trabalho no campo.

Para a cadeia produtiva da Suinocultura, o mês de maio também foi bastante produtivo. Dentre as várias parcerias já firmadas em 2015, a mais recente foi com a Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas) e a Associação dos Criadores de Suíno de Mato Grosso (ACRISMAT). O principal objetivo é promover a capacitação da mão de obra que irá atender o setor da suinocultura.

E para facilitar e otimizar o trabalho dos mobilizadores do Senar-MT foi criado o aplicativo móvel "Portfólio de eventos", que disponibiliza todos os treinamentos de Formação Profissional Rural e de Promoção Social, oficinas, programas e palestras da instituição de forma off line. Pra isso serão encaminhados tabletes aos 87 Sindicatos Rurais de Mato Grosso e as 11 regionais da entidade de ensino rural na próxima semana. “Os mobilizadores terão informações precisas e seguras sobre os produtos do Senar na palma da mão e em qualquer lugar que estiverem”, garante a gerente de Educação Profissional Rural, Tatiane Perondi.

 

Fonte: