Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

19/06/2015

Na contramão da economia nacional, Portos do Paraná aumentam movimentação


A movimentação de cargas dos portos de Paranaguá e Antonina teve crescimento de 2% em maio de 2015 em relação ao mesmo mês do ano passado. Foram movimentadas 4,235 milhões de toneladas, volume superior às 4,136 milhões de toneladas registradas em maio de 2014.

O resultado positivo foi puxado, principalmente, pelo aumento do volume exportado de açúcar e farelo e no crescimento na importação de fertilizantes. Com isso, os graneis sólidos fecharam o mês com 3 milhões de toneladas movimentadas, 5% acima das 2,8 milhões de toneladas de maio de 2014.

“Com os investimentos recentes, conseguimos atender o crescimento da demanda dos usuários do porto no pico do escoamento da safra”, afirma o diretor-presidente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Luiz Henrique Dividino.

EXPORTAÇÃO - Na exportação, o farelo fechou o mês com 720 mil toneladas embarcadas e 8% de crescimento em relação a maio de 2014. O açúcar registrou 374 mil toneladas e 7% de alta na mesma comparação. A soja se manteve estável, com 1,171 milhão de toneladas embarcadas.

O destravamento de acordos comerciais internacionais também fez crescer a exportação de veículos pelo Porto de Paranaguá. A quantidade de automóveis exportados em maio de 2015 é cinco vezes superior ao mesmo mês de 2014. Foram 5,1 mil carros exportados em maio deste ano e 1 mil no mesmo período do ano passado.

“A indústria automotiva é muito importante para a economia paranaense e a retomada do escoamento desta produção é um bom sinal”, afirma o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.

IMPORTAÇÃO – Na corrente de entrada, os fertilizantes registraram crescimento de 27% na comparação dos meses de maio de 2015 e 2014. Neste ano, foram importadas 824 mil toneladas do produto, frente a 651 mil toneladas registradas ano passado.

Com isso, o total de importações ao longo do mês, somando todos os produtos, aumentaram 7%, com 1,357 milhão de toneladas. “Mesmo com o dólar em um patamar acima do registrado no primeiro semestre do ano passado, as exportações fecharam em alta. Isso acontece porque a agilidade de operação compensa o câmbio no Porto de Paranaguá”, afirma o diretor comercial da Appa, Lourenço Fregonese.

CONTÊINERES – A movimentação geral de contêineres por Paranaguá também registrou alta. Foram 65.942 TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés) movimentados em maio de 2015, 12% a mais do que os 58.801 TEUs do mesmo mês de 2014.

Na importação a alta foi de 14%, com 33.182 mil TEUs, e na exportação o crescimento foi de 10%, com 32.760 mil TEUs.
Fonte: