Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

29/07/2015

Por ora, embarques de frango de julho só não superam os do mês passado


Os volumes mensais exportados entre janeiro e maio de 2015 já ficaram para trás. Ou seja: por ora, os embarques de carne de frango de julho corrente só estão aquém do que foi exportado em junho passado. Mas isto, ressalte-se, ainda faltando alguns dias úteis para o encerramento do mês. Em outras palavras e sem medo de errar, em julho, pelo segundo mês consecutivo, as exportações brasileiras de carne de frango estarão registrando novo recorde.

Para que isso não ocorresse seria necessário que os embarques diários realizados nesta semana (27 a 31 de julho) ficassem abaixo de 10 mil toneladas. E a média diária em 2015 tem ficado próxima de 17 mil toneladas, com um mínimo de 12,9 mil toneladas/dia na 2ª semana de janeiro, período marcado por baixíssimas exportações. Quer dizer: é absolutamente improvável um retrocesso a esse nível; daí a certeza de um novo recorde.

Independente, porém, do que venha a ser embarcado nos cinco últimos dias úteis de julho, o fato é que na quarta semana do mês registrou-se, em termos semanais, a terceira maior média diária de 2015: 18,587 toneladas/dia. Mas como somente esta última semana teve cinco dias úteis, os embarques da semana foram os maiores do ano – quase 93 mil toneladas.

O corolário desse desempenho é um volume total, em 18 dias úteis, de 325.818 toneladas, resultado parcial superior aos volumes mensais alcançados nos cinco primeiros meses do ano e que, nesse período, variaram entre um mínimo de 247.417 toneladas (janeiro/15) e um máximo de 316.972 (março/15).

Acima disso, porém, prevalece a constatação de que, projetado para os 23 dias úteis do mês, o volume atual sinaliza embarques totais da ordem de 416,3 mil toneladas. É quase um quarto a mais que o exportado em julho de 2014 e um desempenho jamais observado na história do setor.

 

Fonte: