Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

26/08/2015

Exportação de soja por Paranaguá aumenta 35% em julho


A soja, principal produto movimentado pelo Porto de Paranaguá, teve em julho mais um mês com forte aumento nos volumes exportados. Foram 883 mil toneladas, contra 654 mil toneladas do mesmo mês de 2014. Os congelados também registraram aumento, de 35%, e os derivados de petróleo aumentaram 50%.

Os três produtos puxaram a elevação nas exportações pelo Porto Paranaense em julho. No total, foram embarcadas 2,91 milhões de toneladas, volume 2% maior que no mesmo do ano passado, com 2,85 milhões de toneladas.

Produtividade

O câmbio favorável compensou a baixa cotação da soja no mercado internacional e estimulou a exportação. O diretor-presidente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa), Luiz Henrique Dividino, afirma que a alta produtividade do Corredor de Exportação, que opera desde março com dois novos shiploaders, é fundamental para dar vazão à produção agrícola.

“O produtor atrasou a venda da soja neste ano e, mesmo com o escoamento da produção concentrada em alguns meses, conseguimos atender a esta demanda com agilidade”, afirma. Ao longo do mês, também foram exportadas 599 mil toneladas de farelo de soja e 260 mil toneladas de milho.

Congelados e petróleo

Em julho, foram exportadas 189 mil toneladas de congelados, enquanto que no mesmo mês de 2014 foram movimentadas 131 mil toneladas. Foi registrado, também, aumento de 17% no acumulado do ano.

Já os embarques de derivados de petróleo somaram 131 mil toneladas em julho deste ano, contra 87 mil toneladas em julho de 2014. No ano, o produto registra aumento de 29% nas exportações. Este resultado também foi o responsável pelo aumento nas movimentações totais de graneis líquidos, que fecharam julho em alta de 14%.

Contêineres

A movimentação total de contêineres pelo Porto de Paranaguá também cresceu em relação a julho de 2014, com alta de 14%. Foram movimentados 76,4 mil TEUs (unidade de medida equivalente a contêineres de 20 pés) em julho de 2015, um recorde histórico. Na importação, a alta foi de 20%, com 39,1 mil TEUs, e na exportação o crescimento foi de 8%, com 37,2 mil TEUs.

 

Fonte: