Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

18/09/2015

Agricultura defende cooperação para fortalecer sanidade agropecuária


Maior integração entre estados e municípios com o setor produtivo é fator primordial para dar mais efetividade ao Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária. O tema foi defendido na quinta-feira (17) pelo secretário substituto de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Luís Rangel, em audiência pública na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado.

Segundo o secretário, é preciso compartilhar responsabilidades com toda a cadeia envolvida na produção de alimentos. Rangel ressaltou, porém, que cabe ao Ministério da Agricultura a responsabilidade de organizar e definir as relações no âmbito do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária, além de estabelecer objetivos e metas a alcançar.

De acordo com Rangel, o ministério tem tomado providências para fortalecer o sistema: “os mecanismos de coordenação e gestão estão sendo implantados a partir da estruturação de um ambiente institucional específico para isso”, a cargo da Coordenação-Geral de Articulação Interna da pasta.

Rangel informou que o Ministério da Agricultura marcou os meses de setembro e outubro, por meio do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal, auditorias dos serviços de defesa agropecuária no Rio Grande do Sul, Paraná, em Santa Catarina e Minas Gerais.

 

Fonte: