Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

09/02/2016

Balança comercial em janeiro registra alta de 35% em Mato Grosso


O saldo da Balança Comercial de Mato Grosso apresentou alta de 35,8% em janeiro de 2016 no comparativo com o mês o ano passado. O crescimento é decorrente a valorização do dólar frente ao real e a retração em 54,16% das importações. O milho, com o atraso da colheita da soja, foi o destaque apresentando alta de 12,73% nos embarques.

O superávit registrado em Mato Grosso no primeiro mês de 2016 foi de US$ 717,8 milhões contra US$ 528,4 milhões constatados em janeiro de 2015. As exportações, de acordo com dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), ligada ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), saltaram 15,01%, de US$ 687,5 milhões para US$ 790,7 milhões. Já as importações apresentaram 54,16% de decréscimos, de US$ 105,4 milhões para US$ 72,8 milhões.

A retração nas importações são decorrentes ao dólar valorizado, o que é algo negativo para as aquisições provenientes do exterior. A tendência é que apenas os produtos agrícolas, como defensivos agrícolas, mesmo em queda, sigam em evidência.

Segundo levantamento da Secex, o milho foi o grande destaque dos embarques realizados por Mato Grosso, com uma participação de 53,35% da receita gerada. Em janeiro foram enviados 2,54 milhões de toneladas, que resultaram US$ 421,8 milhões. O volume é superior as 2,02 milhões de toneladas de janeiro do ano passado, que haviam resultado US$ 374,2 milhões.

O bagaço e outros resíduos sólidos da extração do óleo de soja vieram em seguida com alta de 16,54%, registrando US$ 132,6 milhões. Já em algodão foram US$ 85,8 milhões, um aumento de 60,74%. No caso das carnes desossadas de bovinos congeladas constatou-se um decréscimo de 5,58%, ficando em US$ 47,7 milhões as negociações.​

Fonte: