Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

01/03/2016

Plantão de pré-colheita é realizado por Associação para recebimento de amostras de semente


Avaliação da qualidade de sementes estão sendo realizadas em Mato Grosso. Os resultados permitirão aos produtores o poder de decisão do beneficiamento da oleaginosa como semente ou vendida como grão. Entre os testes realizados estão o de grau de umidade, pureza e de tetrazólio.

A avaliação é realizada pela Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat). 

As amostras de soja colhida nesta safra 2015/2016 podem ser entregues ao laboratório da entidade de segunda a sexta-feira das 6h às 21h30. Já aos sábados, domingos e feriados das 18h às 21h30. Segundo a Associação, em horários fora do plantão um ponto de coleta externo ao laboratório será disponibilizado aos produtores, onde as amostras deverão ser depositadas devidamente identificadas.

A gerente técnica do Laboratório de análise de Sementes da Aprosmat, Nayara Roberto Gonçalves destaca que o plantão para recebimento de amostras segue até o final da colheita, previsto para abril.

São oferecidos testes, para avaliar a qualidade das amostras, de determinação de grau de umidade, pureza, tetrazólio, identificação e quantificação de sementes esverdeadas, entre outros.

Conforme a Aprosmat, o teste de tetrazólio (Tz) é considerado o "carro chefe" da pré-colheita da soja, pois fornece informações mais precisas ao produtor quanto à qualidade fisiológica das sementes. O teste informa, ainda, quanto à viabilidade do uso daquela semente, o vigor da mesma e ainda identifica possíveis problemas que afetam o desempenho da semente.

Fonte: