Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

11/03/2016

CNA, Embaixada Britânica e Embrapa lançam estudo inédito sobre pegada hídrica das cadeias produtivas de leite e carne


Os técnicos do Projeto Pegada Hídrica, parceria entre CNA e Embaixada Britânica, realizaram um estudo com o levantamento de dados sobre a quantidade de água utilizada nas cadeias produtivas de carne e leite no Estado de São Paulo.

O estudo será divulgado no IV Simpósio de Produção Animal e Recursos Hídricos, que será realizado nos dias 22 e 23 de março, na Sede da Embrapa Pecuária Sudeste, no município de São Carlos, em São Paulo.

“É um estudo inédito no Brasil que vai mostrar o tamanho da pegada hídrica das duas cadeias produtivas e seus impactos na Bacia hidrográfica do Rio Preto-MG”, explica Gustavo Goretti, assessor técnico da Coordenação Técnica de Recursos Hídricos da CNA.

O levantamento dos dados da pegada hídrica foi realizado pela Embrapa Pecuária Sudeste e será apresentado pelo Consultor Albano Henrique de Araújo, no dia 23 de março. (confira programação do evento).

Albano Henrique explica que a pegada hídrica é a quantidade de água, direta e indiretamente, usada na produção de um produto. “A água está presente na calça jeans, no combustível, na carne, no leite, no papel. O quanto desse recurso é preciso até o produto chegar ao consumidor é um cálculo complexo. Conhecer o valor da pegada pode colaborar para evitar o desperdício e melhorar a gestão da água”, diz.

O Coordenador Técnico de Sustentabilidade da CNA, Nelson Ananias, também participa do evento e acompanhou a elaboração do levantamento dos dados do Projeto Pegada Hídrica. “O custo da oportunidade da água é diferente por região. Uma árvore frutífera produzida na região Amazônica, onde a água é abundante, é relativamente menos impactante e mais barato que uma árvore frutífera produzida na Caatinga, onde há escassez de água, por exemplo. Esse estudo sobre as cadeias produtivas de carne e leite vão levar informações ao produtor e à sociedade sobre esse cálculo da utilização da água. Os impactos sobre a Bacia do Rio Preto é uma análise fundamental, pois tem grande representatividade nas cadeias de carne e leite bovinos do no Brasil”, explica Nelson Ananias.

Cartilhas

O Projeto Pegada Hídrica, assinado entre CNA e Embaixada Britânica, acontece desde maio de 2015 e está previsto para terminar em março deste ano. Para finalizar o projeto, o Sistema CNA/SENAR vai lançar duas Cartilhas com informações técnicas aos produtores rurais de todo o Brasil sobre os temas:

- Manejo da água na Agropecuária
- Captação da água de chuva e Armazenamento em Cisterna para uso na produção animal

Sobre o IV Simpósio de Produção Animal e Recursos Hídricos- SPARH
O evento será realizado nos dias 22 e 23 de março de 2016, na Sede da Embrapa, em São Carlos, São Paulo.
 
Com promoção e realização da Embrapa Pecuária Sudeste, o SPARH tratará das principais questões produtivas, ambientais, sociais e econômicas relacionadas aàs produções produção animais animal e os recursos hídricos.
 
O evento trará especialistas internacionais para apresentar as experiências em manejo hídrico e produção animal em seus países. Especialistas nacionais tratarão de temas como coleta e análises de água, irrigação de pastagens e uso de resíduos como fertilizante.

Programação do IV Simpósio de Produção Animal e Recursos Hídricos

22 de março de 2016
 
08:00h - 08:15h     Entrega de material aos participantes
08:15h - 08:30h     Abertura do evento e lançamento de publicações
 
Painel: Experiências em Manejo Hídrico na Produção Animal
Mediador: a confirmar
 
08:30h - 09:15h      Manejo hídrico no Brasil   
                             Julio Cesar P. Palhares – Embrapa Pecuária Sudeste
 
09:15h - 10:00h      Manejo hídrico na Nova Zelândia
                             Ronaldo Vibart - AgResearch
 
10:00h - 10:15h      Intervalo
 
10:15h - 11:00h      Manejo hídrico em Portugal
                              Luis Ferreira - Universidade Técnica de Lisboa
 
11:00h - 11:45h      Manejo hídrico na Argentina
                             Maria Alejandra Herrero - Universidade de Buenos Aires
11:45h - 12:15h      Perguntas e Debates
 
12:15h - 14:00h      Almoço
 
Palestras Técnicas:
Mediador: a confirmar
 
14:00h - 15:00h      Análises de qualidade da água em produção animal
                             João Luis dos Santos – Especializo Consultoria
 
15:00h - 16:00h      Uso de dejetos animais como fertilizante: desafios técnicos e de legislação
                             Rodrigo da Silveira Nicoloso – Embrapa Suínos e Aves
 
16:00h - 16:15h      Perguntas e Debates
 
16:15h - 16:30h      Intervalo
 
Debates Hídricos:
Mediador: Rui Machado - chefe geral da Embrapa Pecuária Sudeste
 
16:30h – 16:45h     Mathias A. de Almeida – Sustentabilidade Marfrig
 
16:45h – 17:00h     Nelson A. Filho -  da Comissão Nacional de Meio Ambiente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil - CNA
 
17:00h – 17:15h      Ismail R. Haddade – Técnico do Programa Balde Cheio e Professor do Instituto Federal  de Ensino Superior
 
17:15h – 17:35h    Taissara Abdala Martins - Nestle
 
17:35h – 18:00h     Perguntas e Debates
 
 
23 de março de 2016
 
Painel: Nutrição Animal e Manejo Ambiental
Mediador: a confirmar
 
08:15h - 09:00h     Manejo nutricional em bovinocultura de leite
                            Alexandre Pedroso - Cargill
 
09:00h - 09:45h     Manejo nutricional em bovinocultura de corte 
                            Mario Luiz Chizzotti - Universidade Federal de Viçosa
 
09:45h - 10:30h     Manejo nutricional em suinocultura e avicultura
                            Gustavo J. M. M. de Lima – Embrapa Suínos e Aves
 
10:30h - 10:45h     Intervalo
 
10:45h - 11:30h     Manejo nutricional em piscicultura
                            Lícia Maria Lundstedt - Embrapa Pesca e Aquicultura
 
11:30h - 12:00h     Perguntas e Debates
 
12:00h - 14:00h     Almoço
 
Palestras Técnicas:
Mediador: a confirmar
 
14:00h - 15:00h     Cadastro Ambiental Rural: Recuperação de Áreas de Preservação Permanente
                            Ricardo Ribeiro Rodrigues - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz/USP
 
15:00h - 15:20h     Nestlé
                            Maria Carla Prado - Área de Meio Ambiente da Nestlé
 
15:20h - 16:20h     Avaliação de sustentabilidade da pegada hídrica da produção animal: estudo de caso Unaí/MG
                             Albano Araújo - Alfa Consultoria
 
16:20h - 16:35h     Perguntas e Debates
 
16:35h - 16:45h     Encerramento do evento


Fonte: