Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

16/10/2013

Melhora nas chuvas deve ajudar avanço do plantio de soja

​SÃO PAULO - Chuvas previstas para esta semana deverão melhorar as condições para o avanço do plantio da safra de soja, que está atrasado no país, disse nesta terça-feira (15) a Somar Meteorologia.

"Uma frente fria associada a áreas de instabilidade deixará o tempo fechado e chuvoso em boa parte do Brasil, onde há previsão de chuvas até mesmo para as regiões produtoras de soja do Nordeste, como Bahia, Maranhão e Piauí", disse o serviço de meteorologia, em um boletim.

O plantio da safra soja 2013/14 chega a 8% da área estimada, de acordo com levantamento da consultoria AgRural, contra 9% da área há um ano.

Em Mato Grosso, principal Estado produtor de soja, o plantio chegou a 9,1% da área até a segunda semana de outubro, contra 17,3% no mesmo estágio da safra passada, segundo levantamento do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Os produtores costumam aguardar um nível mínimo de umidade no solo para fazer o plantio, a fim de garantir condições ideais para a germinação e o desenvolvimento das sementes.

As chuvas têm sido irregulares neste início de safra, desde meados de setembro, especialmente no Centro-Oeste brasileiro.

"A segunda quinzena de outubro está se mostrando bem mais chuvosa, com a volta realmente do regime de chuvas a todas as regiões produtoras de soja do Brasil", salientou a Somar.

Condições

Apesar da irregularidade de chuvas verificadas até agora, a Somar estima que as condições para o desenvolvimento das lavouras já semeadas são "satisfatórias", sem nenhuma grande anomalia que possa comprometer o início de desenvolvimento vegetativo das plantas.

Por outro lado, o percentual de lavouras atacadas por pragas, como lagartas, está maior, disse a Somar.

No Paraná, o serviço de meteorologia observou que a entrada de uma massa de ar polar na semana passada deixou a germinação um pouco mais lenta.
 
Fonte: