Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

09/06/2016

USDA: Expectativas indicam redução dos estoques de soja e milho nos EUA

Nesta sexta-feira, 10 de junho, o USDA  (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz seu novo boletim mensal de oferta e demanda e, depois dos impressionantes números do reporte anterior, os dados deste mês são aguardados com muita ansiedade. E a nova safra dos Estados Unidos é a que inspira mais atenção por parte dos traders, segundo adiantam analistas e consultores de mercado e como sinalizam suas expectativas para o boletim. Os estoques finais da temporada 2015/16 também são aguardados com certa ansiedade. 

Safra 2015/16 dos EUA

Para os estoques finais da atual temporada é esperada uma redução. A expectativa média do milho é de 45,04 milhões de toneladas, contra as 45,08 milhões estimadas pelo USDA em maio. Na safra 2014/15, o número foi de 45,8 milhões. 

Já para a soja, a média esperada é de 10,53 milhões de toneladas, também menor do que o número do boletim anterior, de 10,89 milhões. Na temporada anterior, os estoques norte-americanos da oleaginosa foram de 5,2 milhões de toneladas. 

Safra 2015/16 mundial

Já os estoques mundiais da safra 2015/16 de milho podem cair de 207,9 milhões para 205,7 milhões de toneladas, de acordo com a expectativa média do mercado. No caso da soja, esse recuo poderia ser de 74,3 milhões para 73 milhões de toneladas. 

Safra 2016/17 dos EUA

No caso da nova safra norte-americana, as expectativas são mais abrangentes e passam da produtividade até os estoques finais. 

Produtividade - A produtividade média esperada para a soja dos EUA é de 52,85 sacas por hectare, com as expectativas variando de 52,17 a 53,3 sacas por hectare. Em maio, o estimado foi 52,95 sacas e, na safra 2015/16, o número de rendimento ficou em 54,42 sacas/hectare. 

Sobre o milho, a média esperada é de 177,6 sacas, contra 177,8 de maio e 178,22 da safra anterior. As expectativas do mercado, portanto, oscilam entre 175,7 e 178,87 sacas por hectare. 

Produção - A produção de soja poderia ficar, de acordo com as expectativas, entre 102,09 milhões de 106,39 milhões de toneladas, com média de 103,66 milhões e frente à estimativa de maio de 103,42 milhões. 

Sobre o milho, os traders esperam algo entre 352,77 milhões e 367,25 milhões de toneladas, com média de 364,84 milhões. No reporte anterior, a safra norte-americana veio estimada em 366,54 milhões, enquanto a 2015/16 somou 345,48 milhões de toneladas. 

Estoques Finais - Para os estoques finais de milho da safra 2016/17 dos EUA se esperam entre 49,35 milhões e 62 milhões de toneladas, com média de 53,34 milhões. Em maio, o número era ligeiramente maior, de 54,69 milhões. 

Já para a soja, a expectativa média do mercado é de estoques finais de 8,11 milhões de toneladas, com as projeções oscilando entre 6,91 milhões e 9,53 milhões de toneladas. Em maio, o volume projetado foi de 8,3 milhões. 

Safra 2016/17 mundial

No cenário mundial, os estoques finais de soja da nova safra são esperados para ficar entre 57,5 milhões e 71 milhões de toneladas, e a média de 66,3 milhões, menores do que os da temporada 2015/16. No relatório de maio, o USDA projetou 68,2 milhões. 

Para o milho, os estoques finais globais poderiam ficar entre 198,5 milhões e 208 milhões de toneladas, com expectativa média de 205,2 milhões e contra as 207 milhões do mês passado.

Autor:
Carla Mendes

Fonte: