Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksDuPont Pioneer / Media Center / Notícias

Notícias

29/08/2016

Preços do milho no mercado doméstico registram alta no mês de agosto em relação a julho

Os preços do milho no mercado doméstico registraram alta no mês de agosto em relação a julho. Movimento este inverso ao esperado pelo mercado, uma vez que, a colheita da 2ª safra está se aproximando do fim, quando os preços deveriam registrar retração. Entretanto, com uma recuperação das exportações do grão, os preços dos cereais voltaram a subir no mercado doméstico.

As cotações médias de agosto apresentaram valorização de 3,5% sobre os preços médios praticados em julho e, registraram alta de 85,5% sobre o mesmo período do ano passado. O preço médio do cereal em agosto foi praticado a R$ 42,2 a saca, enquanto em julho a saca era avaliada em R$ 40,7.

O caminho natural seria a de pressão negativa sobre preços, no entanto, espera-se que as exportações neste 2º semestre sejam maiores, o que ajudaria a sustentar os preços do milho no mercado doméstico. No mercado internacional, de acordo com informações do USDA, 85% das lavouras norteamericanas de milho estavam na fase de grão farináceo e 40% estava na fase de grão dentado até o dia 21 de agosto.

No relatório semanal, o órgão informou que 75% das lavouras de milho apresentavam-se em condições consideradas boas e excelentes, percentual 1 ponto acima em relação à semana anterior a esta analisada, além de alta de 6 pontos percentuais frente à safra anterior.

Os futuros de milho foram influenciados tanto pelas condições climáticas favoráveis quanto pelo baixo volume exportado de milho pelos Estados Unidos na última semana.

Previsões meteorológicas da empresa norteamericana DTN indicam possibilidades de chuvas para as áreas centrais e do sudoeste da região do Corn Belt nos próximos cinco dias, fato que deve beneficiar o desenvolvimento das plantações.

Autor:
Leonardo Sologuren

Fonte: