Skip Ribbon Commands
Skip to main content
Navigate Up
Sign In
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Media Center / Notícias

Notícias

24/10/2013

Técnicos e médicos veterinários iniciam última etapa da vacinação contra febre aftosa

Mais de 20 milhões de cabeças de gado deverão ser vacinadas contra febre aftosa entre os dias primeiro e 30 de novembro. Ao todo 200 propriedades rurais deverão cumprir o cronograma divulgado pelo Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea). Nesta quarta-feira (23), técnicos e médicos veterinários do Instituto iniciaram os trabalhos na região de fronteira com a Bolívia.

De acordo com o coordenador de sanidade Mental do Indea, João Marcelo, a região em questão é uma das mais sensíveis à doença. Além do alerta, ele também anunciou durante entrevista à rádio Paiaguás qual será o trabalho para ser desenvolvido pelos técnicos e médicos veterinários na quarta-feira (23). Esta será a última etapa de vacinação contra a febre aftosa.

“Em um raio de 15 quilômetros temos cerca de 800 propriedades, onde a vacinação já é acompanhada, o Indea segue cerca de 500 mil bovinos. Nessa etapa, os médicos veterinários aproveitarão a oportunidade para examinar os animais. São 21 equipes com mais de 40 servidores do Indea que estarão na região de fronteira com a Bolívia”, explica João Marcelo. A faixa de 15 km abrange os municípios de Cáceres, Porto Esperidião, Vila Bela da Santíssima Trindade e uma parte de Pontes e Lacerda.

Decorrido o prazo de vacinação, os produtores terão até o dia 10 de novembro para fazer a comunicação da vacina ao escritório do Indea. Quem não cumprir os prazos serão penalizados com pagamento de multa, além de uma suspensão de 30 dias, período em que o produtor não poderá fazer nenhuma movimentação de animais.

Febre Aftosa

Quando o animal é acometido pela doença, ele apresenta uma febre alta que diminui depois de dois a três dias. Afetado, o animal apresenta pequenas vesículas na mucosa da boca, laringe e narinas e na pele que circunda os cascos e que dão o nome da doença em inglês. A taxa de morbidade é extremamente alta.
 
Autor:
Priscilla Silva

Fonte: