Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Navegar para Cima
Logon
Você está em: Skip Navigation LinksInício / Blog / ViewPost

Quais são as Principais Lagartas da Cultura da Soja e Como Controlá-las?

19
out
2018
Manejo, Pragas, Soja

Desde a semeadura, até a colheita, a cultura da soja está sujeita ao ataque de pragas. O conhecimento do impacto dos insetos na lavoura é essencial para que as ações preventivas e as técnicas de manejo sejam adequadas. O monitoramento e reconhecimento das principais pragas, associado às ferramentas disponíveis para manejo integrado de insetos são aspectos fundamentais para a proteção da lavoura.

Neste artigo daremos destaque para características e formas controle das seguintes pragas: lagarta-da-soja (Anticarsia gemmatalis), lagarta falsa-medideira (Chrysodeixis includens e Rachiplusia nu), lagarta-das-maçãs (Heliothis virescens) e broca das axilas (Epinotia aporema).

As Lagartas

Lagarta-da-soja (Anticarsia gemmatalis)

Sendo o desfolhador mais comum na soja no Brasil, é uma praga de fácil reconhecimento. Apresenta coloração verde, com estrias brancas na parte superior, sendo que, quando em grande população, ou em situações de escassez de alimento, a coloração se torna mais escura.


Lagarta-da-soja

A lagarta-da-soja se protege na face inferior das folhas das plantas e apresentam comportamento característico de, quando perturbadas, caírem no solo. Estas lagartas se alimentam das áreas centrais das folhas, mas deixam as nervuras intactas.

Broca das axilas (Epinotia aporema)

A broca das axilas está presente com maior frequência nas regiões de clima ameno. Sua coloração é branco esverdeada com a cabeça preta, e nos últimos ínstares, fica bege-amarelada com a cabeça marrom.


>Broca das axilas

Entram pelas axilas, e formam um cartucho com o trifólio da planta. Com o tempo, se movimentam para o caule, bloqueando o fluxo de seiva para as folhas, comprometendo o desenvolvimento da planta. Devido às galerias formadas no caule, o ataque das lagartas pode causar a perda de plantas na lavoura, principalmente em situações de chuva ou ventos fortes. O controle com inseticidas pode ser difícil, uma vez que as lagartas ficam, na maior parte do tempo, protegidas dentro do caule da planta.

Lagarta-das-maçãs (Heliothis virescens)

A coloração desta lagarta pode variar de creme, verde, amarelada, parda ou rósea com pintas escuras pelo corpo. Em sua fase inicial, fica escondida nas flores e vagens, o que dificulta o seu monitoramento.


Lagarta-das-maçãs

A lagarta-das-maçãs, sempre teve maior importância econômica para a cultura do algodão, contudo, também ataca a lavoura de soja, sendo que o ataque ocorre geralmente nas fases finais do desenvolvimento da cultura, causando danos à flores, vagens e grãos. Além dos danos diretos, proporciona também a entrada de patógenos, diminuindo o número de vagens e grãos viáveis.

Manejo Integrado de Pragas

É muito importante que o produtor de soja, ao realizar o controle dos insetos presentes na lavoura, adote o Manejo Integrado de Pragas (MIP). O MIP é composto de várias medidas de controle que, se aplicadas em conjunto, além de atuar no controle das lagartas, também atua na prevenção de infestações, e auxilia no Manejo de Resistência de Insetos.

1. Rotação de culturas

O objetivo da rotação de culturas é eliminar hospedeiros para pragas e doenças, diminuindo assim a possibilidade de infestações iniciais. Contudo, como várias das pragas de soja são polífagas, apesar de ser uma boa estratégia para o controle de doenças, a rotação de culturas não tem um efeito tão impactante no controle de insetos.

2. Inseticidas no pré-plantio

O produtor de soja, pensando no controle de insetos, já deve estar atento desde a fase de pré-plantio. O monitoramento dos restos culturais é extremamente importante para a identificação da presença desses insetos e, em muitos casos, a aplicação de inseticidas no pré-plantio e dessecação é uma prática necessária.

Lembre-se sempre que uma das principais práticas de um programa de manejo integrado é o monitoramento da lavoura. A aplicação de inseticidas sem necessidade, além de representar custo para o produtor, pode eliminar inimigos naturais que são fundamentais para auxiliar no controle de pragas.

3. Plantio de variedades geneticamente modificadas

Uma grande vantagem que não existia até alguns anos atrás é a biotecnologia. A soja Intacta RR2 PRO® é uma excelente ferramenta em um programa de manejo de insetos, e possui a vantagem de conferir proteção à toda a planta desde a germinação até os estádios finais de desenvolvimento. A tecnologia Intacta RR2 PRO® combina, em um único produto, tolerância ao herbicida glifosato e proteção contra às principais lagartas que atacam a cultura da soja, conferida pela proteína Bt (Cry1Ac).

Para a safra 18/19 a marca Pioneer® está lançando 9 cultivares de soja com a tecnologia Intacta RR2 PRO®, trazendo novos patamares de rendimentos para a cultura da soja. Fale com o Representante da marca Pioneer® da sua região para que ele lhe passe mais informações sobre as novas cultivares.

É importante lembrar que com o plantio de cultivares de soja Intacta, também é necessário o plantio de uma área de refúgio estruturado efetivo. O refúgio irá garantir a presença de plantas sem a tecnologia Bt, que servirão de hospedeiras para as pragas existentes na propriedade. A área de refúgio deverá ser, no mínimo, 20% da área plantada com a tecnologia Intacta RR2 PRO®, e estar, no máximo, a 800 metros de distância do campo plantado com a soja Bt.

Contudo, mesmo com o plantio da soja Intacta RR2 PRO® é possível que seja necessária a aplicação de inseticidas químicos, uma vez que existem outras pragas, como a Spodoptera frugiperda e percevejos, que também causam danos na cultura da soja, e não são controladas por esta tecnologia. Além disso, como a lagarta precisa ingerir a planta para morrer, dependendo do seu estádio de crescimento, ou do nível de infestação, pode ser que a aplicação de inseticidas seja necessária mesmo para pragas controladas.

Desta forma, o monitoramento e a observação dos níveis de dano econômico são extremamente importantes para o sucesso da lavoura Bt.

4. Tratamento de Sementes

O tratamento de sementes funciona como um seguro para o agricultor. Contudo, se a lavora já possui um histórico de pragas iniciais, o tratamento de sementes é medida necessária para manter o estande de plantas. No Tratamento de Sementes Industrial com DuPont™ Dermacor®, o agricultor conta com um pacote ainda mais completo no controle de insetos.

5. Aplicação de Inseticidas

Conforme já dito, a aplicação de inseticidas químicos pode se tornar necessária, tanto na área de cultivo da soja Intacta RR2 PRO®, quanto na área de refúgio. Recomenda-se que se aplique o mínimo necessário nas áreas de refúgio para a preservação de uma população de insetos suscetíveis.

Além disso, para retardar o desenvolvimento de resistência de insetos às moléculas químicas, recomenda-se sempre que sejam aplicados inseticidas com modos de ação diferentes alternadamente.

Utilize sempre produtos registrados para a cultura, e de acordo com as recomendações de bula.

6. Inimigos naturais

Os inimigos naturais são grandes parceiros do produtor e podem auxiliar no controle das pragas. Insetos que se alimentam de ovos, ou que fazem a postura de seus ovos dentro de outros insetos, auxiliam no controle da população de pragas. Da mesma forma, alguns fungos também podem contribuir neste controle.

O ataque de lagartas na soja pode causar grandes perdas ao produtor, contudo, a aplicação de um programa de Manejo Integrado de Pragas, respeitando-se sempre as melhores práticas agrícolas auxilia o produtor no controle destas pragas, preservando inimigos naturais, auxiliando no manejo correto das tecnologias, e proporcionando resultados na colheita.

Referências

AGEITEC. Broca das axilas. Acesso em 19/10/2018
AGEITEC. Lagarta-da-soja. Acesso em 19/10/2018
AGROLINK. Broca das axilas. Acesso em 19/10/2018
AGROLINK. Danos causados à soja pela lagarta da maçã (Heliothis virescens). Acesso em 19/10/2018
DEGRANDE, Paulo; VIVIAN, Lucia. Pragas da soja. Acesso em 19/10/2018
LAVOURA SEM PRAGAS. Falsa-medideira. Acesso em 27/07/2017
MOREIRA, Henrique; ARAGÃO, Flávio. Manual de pragas da soja. Acesso em 19/10/2018
SITE PIONEER. Helicoverpa armigera, o novo desafio da agricultura brasileira. Acesso em 19/10/2018

​​
66035 visualizações
 

 Comente

 
Nome  *
E-mail  *
Estado  *
Cidade  *
Código de segurança  *

Comentário  *
* Campos Obrigatórios
Atenção:

• Todos os comentários feitos neste Blog passam pela moderação de administradores e assim que possível serão publicados.

• Lembramos que os comentários postados são de responsabilidade do usuário e não representam necessariamente a posição da DuPont Pioneer sobre o assunto em discussão.

  • Comentários (4)

Andre Elizandro Goetz

16/10/2018 14:31:56
Muito proveitosas as informações contidas nesta pagina, valeu muito a pena ficar durante um período lendo sobre estas que são as principais pragas das lavouras da soja.

Rodrigo Lima de Oliveira

9/1/2018 14:36:13
Boa tarde, Estou trabalhando com soja pela primeira vez e estou muito satisfeito com todo conteúdo e informação técnica que contém no trabalho apresentado por vocês, as imagens ajuda muito na identificação das pragas principais, sempre busco informações no quesito de duvidas e muito obrigado por todo o conteúdo disposto e continuem melhorando cada vez mais essas informações importantes pois muitos dependem delas.
Blog Agronegócio em Foco
10/1/2018 12:53:21
Oi, Rodrigo! Ficamos extremamente felizes com as suas palavras... elas nos mostram que estamos trilhando pelo caminho certo. Sempre que tiver comentários e sugestões, fique a vontade para nos enviar. Trabalhamos diariamente pela melhoria contínua e para levar as informações mais relevantes para os produtores de milho e soja. Esperamos continuar contribuindo fortemente com a sua atividade no campo. Um forte abraço de toda a nossa equipe! Conte sempre conosco.

Reinaldo Grube Neto

27/7/2017 16:26:20
Olá. Bem explicado e fácil de entender.
     
 

 Posts Relacionados

 
 

 DuPont Pioneer no Facebook

 
​​​​​
 

 Informações Técnicas

 
Receba informações técnicas da DuPont Pioneer. Cadastre-se
 

 Sugestões

 
Deseja enviar uma sugestão de pauta para o blog? Clique aqui e preencha o formulário
 

 Núvem de Tags